Histórico da AMCNB

A Associação Mineira de Cultura Nipo-Brasileira (AMCNB) foi fundada em 19/09/1958 em Belo Horizonte – MG por iniciativa de alguns membros da comunidade nikkei mineira (japoneses e descendentes radicados em MG). Os quais, se propunham a trabalhar pela preservação e divulgação da cultura japonesa tanto junto a comunidade nikkei como a sociedade brasileira, visando dessa forma preservar a identidade cultural da referida comunidade e concomitantemente fortalecer a relação de amizade entre nikkeis e brasileiros, além de estreitar as relações de intercâmbio cultural, econômica e outras entre o Japão e o Brasil.

Inicialmente, instalada em espaços cedidos graciosamente por associados e desenvolvendo atividades sócio-culturais, desde 1972 a AMCNB passou a contar também com uma escola de língua japonesa, oferecendo curso de japonês de forma regular. Em 1991 foi construído o prédio da Escola Modelo da Língua Japonesa com apoio da JICA (Japan International Cooperation Agency), Prefeitura de Yamanashi (Província irmã de Minas Gerais no Japão) e doações de associados, pessoa física e jurídica, em terreno cedido pelo governo do Estado de Minas Gerais, localizado a Rua Dom Lourenço de Almeida, 535 – Bairro Nova Cachoeirinha. O mobiliário da Escola e os livros da biblioteca foram doados pela Fundação Japão e desde então funciona no local, a Escola e a sede da entidade.

O trabalho que a AMCNB vem desenvolvendo de preservação e divulgação da cultura japonesa e dessa forma, contribuindo para o estreitamento das relações bi-laterais Brasil-Japão tem sido reconhecido ao longo dos anos tanto por órgãos do governo japonês e brasileiro como por particulares, conforme mostram alguns fatos:

Da parte do Governo Japonês : A Escola Modelo é a única escola de língua japonesa em Minas Gerais reconhecida pela JICA que, apoia a instituição e envia regularmente professoras do Japão de língua e cultura japonesa para reforçar as atividades dos docentes da Escola. A Escola conta com o apoio regular da Fundação Japão (órgão do Governo Japonês) para manutenção das instalações físicas da escola e melhoria da biblioteca. A AMCNB é a entidade em Minas Gerais que intermedia as várias modalidades de bolsas de estudos para o Japão seja divulgando o material e/ou recomendando candidatos e/ou participando do processo de seleção dos candidatos.

Da parte do governo brasileiro: Tem ocorrido pelo reconhecimento da AMCNB como entidade de Utilidade Pública Estadual (Lei nº 577/76 – 28/06/1976 do Governo do Estado de Minas Gerais) e de Utilidade Pública Federal (D.O. de 18/08/1998 – seção 1).

Da parte de particulares: Por meio de doação de bens imóveis: 1998 – doação da Oriente Empreendimentos Imobiliárias Ltda para AMCNB de área de 360.000 m2 em São Joaquim de Bicas, município de Igarapé – MG. Parte do terreno foi tombado como RPPN pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF) conforme portaria nº 0075 de 06/10/2000 do IEF. 1999 – doação para a AMCNB do prédio do Instituto Cultural Mokuyokai localizado na Rua das Canárias, 2.571 – Bairro Santa Clara – BH – MG. Construída pelas empresas japonesas em MG para servir de escola para os filhos de japoneses que vinham trabalhar nessas empresas, o prédio tem 1.611 m2 , sendo a área do terreno de 4.0 mil m2.